terça-feira, 31 de maio de 2011

Ricardo Coutinho poderá ter de explicar crise na Assembleia

Posted by Antonio jads  |  at  11:28 No comments

Deputados debatem convocação do governador para explicar crise na saúde, educação e segurança



O governador Ricardo Coutinho (PSB) poderá ter de ir à Assembleia Legislativa para explicar a crise que afeta os serviços públicos essenciais como saúde, segurança e educação. Os deputados debatem neste momento pedido de requerimento, feito em regime de “urgência urgentíssima” pelo deputado Luciano Cartaxo (PT), para levar o governador novamente ao plenário da Assembleia.
Os deputados estão debatendo a ida de Ricardo Coutinho, motivados pela última manifestação dos professores que, invadiram, nesta segunda-feira (30), o Palácio da Redenção. Também ganha força, nesse cenário, a crise verificada na área de saúde, que registrou no domingo a morte de um paciente no Hospital do Trauma por falta de atendimento médico. “Nosso objetivo é convocar o próprio governador para estabelecer um debate franco e aberto e construir saídas para essa crise”, acrescentou Luciano Cartaxo.

Ele lembrou que no período de quase 150 dias de governo já passaram diversos secretários de Estado que não assumiram nenhum compromisso concreto de viabilizar as políticas públicas. Ele comentou que a convocação não é para gerar uma “disputa mesquinha”, mas para viabilizar o funcionamento da máquina pública. Ele disse que a greve dos professores estava quase terminando, mas ontem o governador recrudesceu a crise com o corte do pagamento dos professores parados. “O governador tem de começar a produzir o bem estar do povo paraibano, abrir o diálogo com as categorias em mobilização.”, completou.

A educação e saúde são os temas mais discutidos na Assembleia e o líder do governo foi em defesa de Ricardo Coutinho. Lindolfo Pires (Dem) comentou que a Oposição “faz muito barulho” e que o governo tem dialogado com os professores. Lindolfo leu uma carta dos professores na qual os profissionais da educação alegam que faltam apenas dois pontos para se chegar a um acordo e ao fim da greve: a anistia e não punição aos professores que fizeram greve e o retorno de uma gratificação até o mês de novembro. “O governador quer dialogar e fazer com que as aulas retornem o mais rápido possível”, completou. Ele lembrou que apenas 15% dos professores tiveram os seus salários cortados. o clima está tenso na Assembleia e mesmo deputados da base governista, como João Gonsalves já concordaram com o requerimento que pede a ida de Ricardo à assembleia. "O governo tem que chamar para si a responsabilidade de resolver a vida dos servidores públicos", acrescentou o deputado do PSDB.

13 deputados já assinaram o documento de requerimento que não vai passar por nenhuma comissão da Assembleia, mas está sendo debatido diretamente pelo plenário. Inclusive deputados da base governista, como Márcio Roberto (PMDB), assinaram o documento.



Fonte: PB1

Tags:
About the Author

Write admin description here..

Get Updates

Subscribe to our e-mail newsletter to receive updates.

Share This Post

Related posts

0 comentários:

Copyright © 2013 Mogeiro em Foco. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top